Regresso às aulas presenciais

Com esta informação dirijo-me, sobretudo, aos pais/encarregados de educação na
impossibilidade de o fazer de outra forma. Como é do conhecimento de todos, o regime do processo do ensino e da aprendizagem, neste ano letivo, é o presencial, como tem acontecido com todos os anos letivos, por ser considerado aquele que melhor promove o sucesso educativo dos alunos, nomeadamente no que respeita à aquisição de aprendizagens significativas.

Contudo, as circunstâncias que medeiam o regresso às aulas este ano não são iguais aos demais. Estamos a conviver com a pandemia COVID-19, numa fase em que o aumento do número de casos é patente, tendo-se verificado, pela primeira vez, casos confirmados de contaminação no concelho de Portalegre.

Perante todas estas evidências, é necessário que a colaboração e cooperação, que sempre existiu entre as escolas e os pais, seja ainda mais incrementada.

Cada estabelecimento de ensino do Agrupamento de Escolas do Bonfim, de forma a tentar evitar o contágio, estabeleceu medidas e estratégias que procuram relativizar o contacto entre os elementos da comunidade educativa, elaborando os respetivos Planos de Contingência.

Mas estas medidas, por si só, não serão eficazes se não houver compreensão, razoabilidade e um esforço conjunto por as seguir e cumprir. É por esta razão que invoco a vossa ajuda para sensibilizarem os vossos educandos para a necessidade de acatarem todas as orientações que lhes são dadas, pois só conseguiremos mitigar a ameaça que nos aflige a todos, se todos nós, individualmente, nos responsabilizarmos pelo nosso comportamento. Cada professor titular e diretor de turma dará, também, um conjunto de informações e diretrizes aos seus alunos sobre como hão de proceder.

As medidas a que me refiro, poderão ser lidas nos documentos publicados no Portal do Agrupamento (https://aeb.pt/portal/home/inicio/) e a esse respeito observo o seguinte:

• A entrada dos alunos nos estabelecimentos de ensino é desfasada. Por esta razão, solicito que os alunos, sempre que possível, cheguem à escola apenas 5 a 10 minutos antes da hora de início das suas atividades letivas, e se dirijam imediatamente para a sala de aula, que é fixa, cumprindo os percursos que estão sinalizados.

• Todos os alunos deverão ser portadores do seu cartão de estudante, sem o qual poderão ser impedidos de entrar.

• A saída da escola deverá ser feita logo que terminem as atividades letivas.

• Não será permitida a entrada de nenhum aluno que não seja portador de máscara facial e que não desinfete as mãos no dispensador colocado na portaria. As máscaras disponibilizadas pelo Ministério da Educação para os alunos a partir do 2.º ciclo serlhes-ão entregues na primeira aula do ano letivo.

• Devido ao desfasamento da entrada, não haverá toques. É muito importante que os alunos sejam pontuais, de forma a evitar o contacto e a aglomeração com outros alunos.

• Só haverá um intervalo grande na parte da manhã. Nos restantes tempos, os alunos deverão permanecer nas salas de aula, ordeiramente, até que chegue o professor.

• O bufete/bar estará aberto e servirá apenas para dispensar os géneros alimentares. Não é permitida a permanência nesse local. Contudo, com a obrigatoriedade do distanciamento social, poderá haver filas e não conseguirem adquirir o que pretendem. Sugere-se que os alunos tragam um pequeno lanche de casa.

• O refeitório da escola também servirá refeições. Por questões de segurança, teve de se reduzir muito o número de lugares sentados. Sugere-se que, sempre que possível, os alunos consumam a refeição em casa.

• Os espaços sociais estão organizados de forma a manter o número possível de alunos. Pede-se que a disposição do mobiliário não seja alterada.

• Chama-se a atenção para que mantenham o distanciamento social no intervalo que haverá da parte de manhã, tanto dentro como fora da escola.

• Irá haver restrições ao número de alunos a tomar banho, em simultâneo, nos
balneários, após as aulas de educação física. Sugere-se que, sempre que possível, os alunos criem uma alternativa a este.

• Faço o apelo para que, caso verifique que o seu filho manifeste qualquer sintoma de mau estar, não o traga para a escola e consulte a Saúde 24 horas.

>INFORMAÇÃO Nº 05

Comentários fechados.

© 2017 Agrupamento de Escolas do Bonfim. Todos os direitos reservados.

Could create table version :No database selected